IDIOMA PESSOAL, INCONSCIENTE RECEPTIVO, CONHECIDO NÃO PENSADO: DO QUE SE TRATA A METAPSICOLOGIA DE CHRISTOPHER BOLLAS?

Vera Barbosa      Resenha do livro de Sarah Nettleton, A metapsicologia de Christopher Bollas: Uma introdução.    Em 2017 o livro The metapsychology of Christopher Bollas: An introduction, saiu pela iditora inglesa Routledge. No Brasil será lançado ainda este ano pela editora Escuta, com o nome A metapsicologia de Christopher Bollas: Uma introdução. Com... Continue lendo →

Christopher Bollas e a “elaboração do Self”: experiência e singularidade

João Paulo Ayub Elaborate Selves: Reflections and Reveries (Routledge) é um volume de entrevistas publicado em 1997, para o qual psicanalistas e estudiosos da cultura foram convocados a compor um conjunto de análises e reflexões sobre o “estatuto do self no mundo contemporâneo”.[1] De acordo com Anthony Molino, entrevistador e editor do livro, a desagregação... Continue lendo →

Conversando com Bollas: Conflitos ontológicos na psicanálise

Amnéris Maroni Na entrevista da Revista Percurso (Bollas, 1998), Christopher Bollas oferece-nos uma interessante discussão política na psicanálise: a guerra entre as escolas supõe mentes puras, mentes não contaminadas e essa é, na compreensão mesma do autor, uma das características da mente fascista (Bollas, 1987). Essa guerra também invalidaria um dos elementos básicos da profissão... Continue lendo →

Entrevista: When the Sun Bursts – O enigma da esquizofrenia

Entrevista: When the Sun Bursts - O enigma da esquizofrenia João Paulo Ayub “A esquizofrenia é enigmática”. Essa frase, retirada do livro When the Sun bursts, de Christopher Bollas, não traduz apenas a curiosidade intelectual de um psicanalista/escritor que dedicou décadas de sua vida ao tratamento de pessoas que vivenciavam momentos psíquicos bastante difíceis. Ao... Continue lendo →

O CLÃ

Introdução: Medo e Perplexidade (por Amnéris Maroni) O filme de Pablo Trapero — diretor de obras marcantes como Leonera (2008) Abutres (2010), Elefante Branco (2012) — O Clã (El Clan, 2015) é extraordinário. Também extraordinárias são as atuações de Guillermo Francella — conhecido ator de comédias, um nome associado, pois, ao humor! — que representa... Continue lendo →

Bollando a Clínica

  Introdução (por Amnéris Maroni) Algumas páginas memoráveis do livro de Christopher Bollas, Forças do Destino[1], exigem nossa atenção já que ele redefine o setting analítico de maneira radical. Lembremo-nos de que Bollas é nosso contemporâneo e um analista winnicottiano e bioniano singular. Em uma entrevista que saiu na Revista Percurso[2], Bollas narra sua trajetória intelectual: antes de se tornar psicanalista,... Continue lendo →

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: